Senar discute importância da motivação na Assistência Técnica e Gerencial
Live motivacao ateg

Assunto foi tema de live na quinta (4)

5 de agosto 2022
Por Senar

Brasília (05/08/2022) – O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) reuniu dois especialistas, na quinta (4), para falar sobre o tema “Importância da Motivação do Produtor no Sucesso da Assistência Técnica e Gerencial (ATeG)”.

O debate online abordou práticas que o técnico de campo pode fazer para se manter motivado e incentivar o produtor rural durante o processo de atendimento da assistência técnica. A coordenadora da Central de Dados da ATeG, Júlia Barros, fez a moderação.

“Nós temos a preocupação que os técnicos de campo sempre estejam bem emocionalmente e motivados para que eles consigam realmente transmitir essa motivação para o produtor rural, que muitas vezes vai perdendo a motivação no negócio ao longo dos anos”, disse Camila Costa, engenheira agrônoma e instrutora do Senar.

Ela ressaltou que capacitou mais de três mil técnicos em diversos estados e que o assunto motivação é sempre abordado. “Orientamos os técnicos a buscarem estar bem na vida pessoal porque interfere diretamente no resultado deles como consultores e técnicos que estão a campo”.

O treinador de Inteligência Emocional, Erno Menzel, trouxe dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) que apontam o Brasil como o país mais ansioso do mundo. Segundo ele, a ansiedade por si só não é uma doença, é um sintoma que denuncia a forma como as pessoas estão olhando para si mesmas, para o mundo, negócios e futuro.

“A ATeG vem para trazer gestão e controle para que o produtor tome as rédeas do negócio. Daí o técnico fala do cenário econômico, custos de produção e incertezas, que são maiores para uns que para outros”, afirmou.

Menzel destacou que o conhecimento técnico é necessário, mas o diferencial é saber se conectar com as pessoas e gerar confiança, criando um ambiente adequado para que o produtor se sinta seguro.

Camila Costa concordou e frisou que é importante que o técnico saiba reconhecer as ações do produtor que sejam benéficas no processo.

“O técnico tem que saber elogiar para que isso também seja uma motivação para o produtor e ir fazendo dessas pequenas oportunidades ganhos no processo. Às vezes existe a ansiedade de obter resultados rápidos, em poucos meses, mas é uma estrada que precisa ser percorrida”.

Assista a live na íntegra: https://www.youtube.com/watch?v=645iCH0xRag

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
cnabrasil.org.br
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil
youtube.com/agrofortebrasilforte