Comissão da Região Norte da CNA se reúne no Acre
Expoacre2

Integrantes do colegiado também visitaram propriedades rurais e a 47ª Expoacre, que ocorre até domingo (7)

5 de agosto 2022
Por CNA

Brasília (05/08/2022) – A Comissão Nacional de Desenvolvimento da Região Norte da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) se reuniu, na quinta (4), na sede da Federação da Agricultura e Pecuária do Acre (Faeac), em Rio Branco, para debater temas como o Projeto Raízes e Iniciativa Amazônia, o mercado de carbono, e o desenvolvimento sustentável da região.

“Foi uma honra sediar o primeiro encontro presencial pós-pandemia. Esperamos contribuir cada vez mais para o crescimento da região, destacando sempre a riqueza das terras acreanas”, afirmou o presidente da Faeac, Assuero Veronez.

Para o presidente da Comissão, Muni Lourenço, que também preside a Federação da Agricultura e Pecuária do Amazonas (Faea), a união dos estados da região Norte e o debate de temas em comum fortalecem o desenvolvimento do setor agropecuário em cada território.

Durante a reunião, o coordenador de Sustentabilidade da CNA, Nelson Ananias, fez uma apresentação sobre as oportunidades do mercado de carbono para o agro. Em sua fala, ele afirmou que o Brasil possui um enorme potencial para gerar créditos de carbono com integridade ambiental.

Entretanto, ressaltou Ananias, diante desse cenário, é necessário desenvolver algumas políticas, como o aprimoramento dos inventários; a criação de metodologias e aprovação em âmbito interno para posterior validação pelo Órgão de Supervisão internacionais; e o estabelecimento de Normas Técnicas para produção, contabilização e remuneração de carbono verde em atividades agrícolas, pecuária e processamento de produtos agropecuários.

O coordenador também destacou que o lançamento do Decreto 11.075/2022 foi um passo importante para implementar os Planos Setoriais de Mitigação das mudanças Climáticas e o Sistema Nacional de Redução de Emissões de Gases de Efeito Estufa (Sinare).

imagem

Outro tema discutido na reunião foi o Projeto Raízes, uma parceria entre o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) para o desenvolvimento sustentável e ordenamento territorial de assentamentos na região Amazônica.

O chefe do Departamento de Gestão Pública do BNDES, Gabriel Filártiga, disse que o projeto é focado em quatro pilares básicos: regularização ambiental, regularização fundiária, infraestrutura social e bioeconomia.

Já existe um piloto do projeto em funcionamento em Macapá (AP), que atenderá 1,6 mil famílias em quatro assentamentos da reforma agrária selecionados na região. Gabriel Filártiga colocou o BNDES à disposição para possíveis parceiras com o Sistema CNA/Senar no projeto.

Os integrantes da Comissão debateram ainda o projeto Agronorte, da CNA, que busca o desenvolvimento sustentável da região Norte do país. O assessor técnico da Confederação, José Henrique Pereira, afirmou que o projeto vai englobar temas transversais, como infraestrutura e conectividade, desenvolvimento das cadeias produtivas da região e redução da pobreza.

Na etapa inicial, o projeto terá quatro frentes de atuação: governança fundiária, regularização ambiental, desembargos ambientais e assistência técnica e gerencial. Pereira informou que será realizado um curso presencial na CNA, nos dias 17 e 18 de agosto, para capacitação da Plataforma de Governança Territorial do Incra, focado em regularização fundiária.

O presidente da Comissão da Região Norte, Muni Lourenço, disse que esse projeto será prioritário para a CNA, com ações e metas bem definidas e parcerias com órgãos federais e estaduais.

Além de participar da reunião, os integrantes da Comissão também visitaram propriedades rurais da região, com foco em pecuária de corte extensiva e intensa e produção agrícola. Além disso, conheceram a 47ªExpoacre, a maior feira agropecuária do estado, que segue até o próximo domingo (7) movimentando a economia e apresentando as novidades do agro acreano.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-4135/1421/1447
  flickr.com/photos/canaldoprodutor
  twitter.com/SistemaCNA
  facebook.com/SistemaCNA
  instagram.com/SistemaCNA
  facebook.com/SENARBrasil
  youtube.com/agrofortebrasilforte

Áreas de atuação